Escrito por Sulivan França - 22 de Setembro de 2017

A Inteligência Emocional (QE) utilizada para descrever a capacidade das pessoas em se autoconhecer, controlar e avaliar seus próprios sentimentos e comportamentos, é com certeza algo bastante difícil de conseguir.

Trabalhar os componentes emocionais é extremamente importante, porque este conjunto de elementos, quando bem equalizados, gera poderosos benefícios.

As vantagens vão do âmbito profissional, no desenvolvimento de sua carreira e de bons relacionamentos interpessoais, ao pessoal, na melhoria nas relações afetivas e aumento da autoestima.


O QUE É INTELIGÊNCIA EMOCIONAL? 

Os pesquisadores americanos Peter Salovey e John D. Mayer, na década de 1990, definiram QE como:

“A capacidade de reconhecer e exprimir a emoção, assimilá-la ao pensamento, compreender e raciocinar com ela, e saber regulá-la em si próprio e nos outros.” 

Dividiram-na em quatro domínios:

Percepção das emoções - inclui habilidades envolvidas na identificação de sentimentos por estímulos, como a voz ou a expressão facial. A pessoa que possui essa habilidade identifica a variação e mudança no estado emocional de outra.

Uso das emoções – implica na capacidade de empregar as informações emocionais para facilitar o pensamento e o raciocínio.

Entender emoções - é a habilidade de captar variações emocionais nem sempre evidentes.

Controle e transformação da emoção - constitui o aspecto mais simples da inteligência emocional, que é a aptidão para lidar com as próprias emoções.

Salvoey e Mayer definem a inteligência emocional (QE) dentro desses quatro domínios. Ambos pensavam em desenvolver nos indivíduos um crescimento intelectual, não somente a inteligência emocional.

Já para Daniel Goleman, a QE é a capacidade de compreender nossos próprios sentimentos e dos outros, de nos motivarmos e de gerir bem as emoções que estão dentro de nós. 

Segundo Goleman, a inteligência emocional pode ser a responsável pelo sucesso ou insucesso dos indivíduos. 

Como exemplo, ele recorda que a maioria das situações de trabalho é envolvida por relacionamentos entre as pessoas e, desse modo, pessoas com qualidades de relacionamento e bom comportamento humano, como afabilidade, compreensão, empatia e gentileza têm mais chances de obter o sucesso. 


O processo de Coaching

Podemos dizer que a metodologia do Coaching se baseia em alguns preceitos da Inteligência Emocional, entre eles: 

- Conheça a si mesmo: dê atenção ao seu corpo e comportamentos

- Reduza o negativismo em várias ações da sua vida 

- Controle suas emoções: aprenda a driblar sua ansiedade e estresse 

- Seja uma pessoa empática e compreensiva em relação ao sentimento de outras pessoas

- Conheça o que te limita de alcançar maestria em várias áreas de sua vida

- Identifique as alternativas que você tem para alcançar seus objetivos 

Dentro do processo de Coaching, a pessoa é convidada a vivenciar um intenso autoconhecimento, o que lhe permite encontrar sua real essência e entender como suas experiências, valores e crenças afetam suas emoções e comportamentos. 

E para que isso aconteça, entra a inteligência emocional. Por meio dela, você é capaz de identificar desequilíbrios emocionais, entender suas causas e consequências e eleger ferramentas efetivas para eliminá-los. Entretanto, esse processo exige dedicação e empenho, uma vez que, a repetição de pensamentos e comportamento ruins por anos favorece o descontrole emocional.

Para se ter noção da assertividade desse tipo de processo, foi comprovado que todos os programas que envolvem o uso de Inteligência Emocional geram resultados imensos e profundos a quem passa por ele. Algumas escolas norte americanas passaram a adotar estratégias de QE, nessas instituições 50% das crianças tiveram progresso nas suas pontuações de desempenho e mais de 38% melhoraram suas notas. 


Metainteligência Emocional

A Metainteligência Emocional é a metodologia de autoconhecimento com bases em Psicologia, PNL, Filosofia, Coaching e Neurociência que tem como objetivo ajudar as pessoas a ajustarem o direcionamento das suas vidas, não somente pela meta que querem atingir ou pelo sonho que querem realizar, mas pelo redescobrimento da sua essência, tornando-se assim um indivíduo bem-sucedido. 

A metainteligência emocional é um dos conceitos de Inteligência Emocional mais trabalhosos de se aplicar. Além de apenas descrever ou reconhecer os próprios sentimentos, você também deve compreender e conhecer o dos outros e lidar com eles.

O prefixo meta utilizado na palavra nos remete a um posicionamento de algo que ainda está para acontecer, que é futuro, um estado desejado que se faz ao mesmo tempo de parâmetro e estímulo.

A escritora Ella Wheeler dispôs o seguinte: “Um barco sai para o leste, outro para o oeste, levados pelo mesmo vento que sopra. É a posição das velas, e não o sopro do vento, que determina o caminho que eles seguem. Assim também são os nossos caminhos na vida, é a posição da nossa alma que determina a meta, e não os acontecimentos do mundo.”


O Coaching como ferramenta de construção de emoções positivas

Na vida é preciso estar atento à maneira como pensamos e agimos para que, progressivamente, consigamos eliminar atitudes e sentimentos nocivos.

Com o apoio do Coaching, a pessoa tem a oportunidade de desenvolver a inteligência emocional, renovando os sentimentos e tornando todos eles positivos tanto para si mesmo quanto para outras pessoas à sua volta. Com isso, podemos observar ganhos expressivos nas relações de trabalho, familiares, cônjuges e sociais e, maior autocontrole emocional, para lidar com frustrações, perdas, desafios e momentos de crise.

Para os coaches, a inteligência emocional é certamente de extrema importância, pois quanto melhor for sua autoconsciência e autocontrole emocional, maior será sua capacidade de avaliar e dar suporte a seus clientes, pois com mais facilidade conseguirá interpretá-los e apoia-los.

Com a parceria entre o processo de Coaching e os conceitos QE, o aluno que passa pelo processo sai com várias habilidades, entre elas:

- Autodomínio

- Autoconsciência

- Automotivação

- Empatia 

- Habilidades social

- Comunicação assertiva 

- O importante hábito de responder e não reagir 


Conclusão

Agora que você está ciente dos benefícios que a Inteligência Emocional, alinhada com o Coaching, pode trazer para a sua vida, o que ainda te impede de começar o seu processo de desenvolvimento? 

Conte com o apoio da SLAC® Coaching para crescer em ter uma vida mais feliz e cheia de GRANDES resultados!

E-book Coaching

E-BOOK GRATUITO

Descubra como transformar sonhos em realidade utilizando a metodologia coaching na sua vida!