Flow na liderança positiva

A palavra de origem inglesa “flow” significa fluxo, fluidez ou circulação.

Atualmente, vem ganhando espaço como um dos temas recorrentes quando o assunto é liderança positiva e pode ser entendido como um estado subjetivo, onde as pessoas relatam que quando estão envolvidas de tal maneira em uma atividade prazerosa chegam a um ponto que acabam esquecendo o tempo, a fome, a fadiga e tudo o mais, menos a própria atividade. Esses momentos nos quais ocorre um total engajamento com as atividades são considerados excepcionais na vida das pessoas.

A teoria flow

Na verdade, o flow é considerado um estado ou emoção qualitativa responsável por trazer sucesso a muitas organizações.

O líder que consegue elevar sua equipe a tal estado é porque está conseguindo encontrar maneiras de extrair o melhor de si e da equipe sem perceber os esforços envolvidos.

Para chegar ao estado de flow, os liderados devem ter a capacidade de se concentrar no que estão fazendo, com objetivos claros e feedbacks imediatos. Facilitando que trabalhem com envolvimento profundo e sem esforço, permitindo uma sensação de controle sobre as ações, sem preocupações externas. Dessa forma, acabam entrando em estado de flow, ou seja, acabam se compenetrando de tal forma que perdem a percepção da passagem de tempo exterior.

As vantagens do flow

Com isso, pode se dizer que o líder positivo que institui um ambiente de trabalho prazeroso para sua equipe fluir na realização de suas metas, acaba ganhando a otimização do tempo, a harmonia entre as pessoas que atuam no departamento, o espírito de equipe, a comunicação empática, a satisfação dos clientes e com certeza acaba descobrindo novos talentos com pontos fortes e habilidades dentre seus próprios liderados.