Você tem atividades inacabadas, tarefas que não foram finalizadas ou, ainda, planos que não saíram do papel? 

Como consequência, sente-se frustrado e desanimado? 

Se a resposta foi sim a algumas dessas perguntas, preste atenção: seu próprio comportamento pode estar sabotando o seu sucesso.

E para que não fique refém da sua própria maneira de pensar e agir, siga a leitura.

Vou explicar como superar, de vez, esse comportamento que prejudica a você mesmo.

O que é a autossabotagem?

A sabotagem é uma ação danosa que visa prejudicar algo ou alguém. 

A autossabotagem, dessa forma, pode ser definida como os atos e comportamentos que se tem a respeito de si mesmo e que causam danos ao alcance de metas e objetivos pessoais.

Mas, você pode se perguntar, como o ser humano fará algo para comprometer seu próprio sucesso? 

Apesar de parecer algo fora da realidade, ações autossabotadoras são muito mais frequentes do que imaginamos.

Stanley Rosner, coautor do livro "O ciclo da autossabotagem - porque repetimos atitudes que destroem nossos relacionamentos e nos fazem sofrer" tem uma afirmação interessante sobre isso.

Confira o que ele diz: "Muitos desses comportamentos destrutivos estão quase fora do domínio da consciência".

O que isso significa?

A autossabotagem parte, muitas vezes, do nosso inconsciente.

Ela faz com que se criem obstáculos para a realização das metas e objetivos.

Essa forma danosa de agir contra si mesmo pode vir de tempos pré-históricos, quando o ser humano estava se formando. 

Em épocas de alimento escasso, pouca ou nenhuma segurança e muitas adversidades, nosso cérebro tomou forma para se defender dos perigos.

Assim, ao primeiro sinal de ameaça, agimos de inúmeras maneiras diferentes, como reação a ela. 

Dentre essas atitudes, podem aparecer medo, ações agressivas ou o ato de se esconder.

Mesmo com toda a evolução humana, nosso cérebro ainda tende a reagir instintivamente, da mesma forma como nos primórdios. 

Assim, mesmo em situações que podem causar recompensas futuras, nos fixamos na dor e ameaça presentes. 

Por isso, com frequência, agimos de forma a sabotar as nossas próprias ações.

No entanto, não estamos mais na Pré-História e precisamos moldar nosso comportamento a fim de evitar a autossabotagem. 

Dessa forma, o alcance de metas e objetivos torna-se mais realizável e, você, uma pessoa mais realizada.

Garanta agora o seu ingresso para o evento que vai mostrar o passo a passo para você transformar os seus sonhos em metas alcançáveis!

30 de novembro e 01 de Dezembro de 2019 - 9h às 18h
Centro de Convenções do Expo Center Norte

Sinais de que o seu comportamento te sabota

O quão ruim é ter sonhos e nunca vê-los realizados?

O ponto que quero destacar aqui é que a realização deles depende muito do seu comportamento. Será que ele não está sabotando as suas conquistas?

Para avançarmos, vale recorrer a um exemplo hipotético.

Vou falar sobre o Luiz, que finalmente recebeu a tão esperada promoção na empresa. 

Ele batalhou bastante para alcançar esse upgrade profissional com planejamento, estudo, vários contatos e, claro, trabalho.

No entanto, ao receber a notícia de que subiria de cargo, começou a pensar que não "daria conta" da nova função e se imaginou ainda não preparado para tal. 

Por isso, tentou adiar ao máximo possível, junto à diretoria, a sua mudança na empresa.

Pediu um prazo para primeiro concluir um projeto, depois solicitou duas semanas de férias e, com essa procrastinação, viu a empresa recorrer a outro profissional.

Então, colocou a culpa nela, em seus gestores, que na sua visão não tiveram a empatia necessária.

Percebe como ele se autossabota, criando obstáculos para a realização do objetivo, mesmo sendo esse um grande sonho para a carreira?

Isso acontece o tempo inteiro com diversas pessoas, nas mais variadas situações, sejam elas pessoais ou profissionais.

Será que não acontece com você?

Veja sinais de que seu comportamento pode estar sabotando o seu sucesso:

Ver mais o lado negativo do que positivo da situação.

Manter sua agenda desorganizada, atrasar-se com frequência e sentir que "falta tempo".

Deixar-se satisfazer por prazeres momentâneos, mas que comprometem ganhos reais a médio e longo prazo.

Sentir que está procrastinando e não está fazendo o que deveria ser realizado.

Ter medo, com frequência, dos próximos passos de um projeto ou planejamento.

Não conseguir dar sequência a planos ou sequer ter um.

Se você tem notado que esses comportamentos têm se tornado frequentes em sua vida, pode ser que a autossabotagem esteja mais presente do que imagine.

São ações destrutivas que podem impactar sua vida pessoal e profissional.

Impactos na vida pessoal e profissional

Toda grande realização começa a partir de pequenos passos, não é verdade?

Assim, mesmo que a autossabotagem apareça em simples ações ou frases, ela pode prejudicar até o alcance de metas grandiosas. 

Por isso, todo o cuidado é pouco quando se tratam de comportamentos autodestrutivos.

Os hábitos que se desenvolvem na vida em família e entre amigos se replicam no ambiente de trabalho. 

Da mesma forma, o contrário acontece: atitudes e costumes que se criam na vida profissional aparecem na rotina pessoal.

Por isso, se a autossabotagem faz parte do comportamento de uma pessoa, ela aparecerá de diversas formas e em diferentes lugares de sua realidade.

Essa reação em cadeia cria ambientes desfavoráveis ao desenvolvimento do indivíduo e sua plena experimentação e vivência da sociedade. 

Afinal, ele estabelece mecanismos constantes para evitar a sua própria evolução.

Assim, é comum que autossabotadores usem de todas as artimanhas possíveis para burlar regras criadas por ele mesmo.

Uma pessoa que esteja em situação financeira ruim pode achar que merece comprar para si outro par de sapatos, desnecessariamente, mesmo que isso vá piorar ainda mais suas finanças.

No trabalho, por exemplo, até mesmo "pequenos" atos de procrastinação podem ser sinônimos de autossabotagem. 

Aquele relatório não finalizado sobre a mesa seria mais útil à empresa e a você mesmo sendo entregue do que permanecendo como pendência.

Esses atos autossabotadores impactam negativamente a vida do indivíduo, uma vez que o impedem de crescer em seus projetos, realizar mudanças positivas e sair de sua zona de conforto.

Aprenda sobre superação no MUDE SEUS RESULTADOS

Como comentei até aqui, a autossabotagem aparece na forma de comportamentos que limitam o próprio indivíduo, autor das ações. 

Dessa forma, com atitudes e hábitos inconscientes, ele estabelece obstáculos à plena realização de atividades, tarefas, metas e objetivos.

Essa ação danosa aparece tanto na vida em família, nas relações com amigos e em interações na sociedade, como no ambiente profissional e de trabalho. 

Por isso, o comportamento autossabotador se reproduz em um ciclo danoso, que afeta o sucesso do indivíduo em diversas esferas.

Porém, da mesma forma que essas atitudes inconscientes e prejudiciais nascem e se mantêm, elas podem ser identificadas e combatidas.

Para isso, o primeiro passo é o autoconhecimento, técnica a partir da qual você observa seus pontos fortes a explorar e as fraquezas a corrigir.

A partir desse exercício, pode traçar um plano de ação para sair do estado atual e chegar ao desejado, onde a autossabotagem não tem vez.

E esse é justamente o objetivo do evento presencial MUDE SEUS RESULTADOS, em que falaremos sobre 3 pilares essenciais na vida do ser humano: mudança, superação e resultados. 

Neste evento você entenderá como fazer para se livrar de comportamentos sabotadores, permitindo você a definir metas e ações para alcançar objetivos maiores, não importa qual seja o seu sonho.

Nessa jornada, você vai entender como desenvolver habilidades e competências comportamentais, que o fazem rever suas atitudes e pensamentos.

Será uma experiência enriquecedora, tenho certeza, e que gera resultados consistentes e duradouros, com reflexos em todas as esferas da vida.

Se você ainda tem dúvidas sobre como será o MUDE SEUS RESULTADOS, acesse o site oficial do evento e veja todos os detalhes, tudo o que será apresentado e como garantir a sua vaga. 

E para finalizar... 

O comportamento autossabotador pode se manifestar de forma inconsciente, como destaquei ao longo deste texto. Nem sempre é fácil identificar esse tipo de postura sozinho.

Por isso, o MUDE SEUS RESULTADOS surge como um aliado importante para promover a mudança que você deseja e alcançar o sucesso e a realização pessoal e profissional.

Essa é a sua chance de parar de se tornar refém dos seus comportamentos e fazer algo em prol dos seus sonhos e objetivos de vida. Pronto para dar o próximo passo?

Então, participe do evento presencial MUDE SEUS RESULTADOS e descubra como superar desafios e conquistar grandes resultados: www.mudeseusresultados.com.br