Como liderar a geração Y?

Geração Y é a geração das pessoas que nasceram após os anos 80, são as pessoas conhecidas também por serem chamadas de geração do milênio ou geração da internet.

Conhecidas também por ser parte de uma geração que vivenciou muitos avanços tecnológicos e crescimento de diversos países e por terem nascido em meio a tantos avanços, como TV a cabo, videogames, computadores e muito mais, levam a fama de serem pessoas distraídas, insubordinadas e superficiais, porém com grandes ambições.

É normal encontrar jovens dessa geração que trocam de emprego frequentemente, por não serem devidamente desafiados ou não terem oportunidade de crescimento profissional. Por isso, saber como reter talentos da geração Y é um diferencial.

As empresas, sempre interessadas com o tipo de público que querem atingir, fazem diversas pesquisas de mercado para saber quais produtos a geração Y está interessada, pois é um público geralmente exigente, sempre antenado em relação a novas tecnologias e novos produtos.

Compreenda as diferenças entre as gerações

Já o administrador que entende o comportamento humano, pensa e age de acordo com a essa geração, tende a dirigir as pessoas com maior participação, liberdade e responsabilidade no trabalho, pois as considera aplicadas e com iniciativa própria. Também delega e ouve opiniões, pois acredita que as pessoas sejam criativas e habilidosas, sempre compartilhando os desafios do trabalho.

Esse estilo de administrar acaba criando no trabalho um ambiente democrático e com oportunidades para que as pessoas possam satisfazer suas necessidades pessoais, através do alcance dos objetivos organizacionais. Pessoas que trabalham com respeito, confiança e participação tendem a responder com iniciativa, prazer em trabalhar, dedicação, envolvimento pessoal, entusiasmo e elevado grau de produtividade.

O líder que sabe trabalhar com equipes da geração Y, torna-se imprescindível para o sucesso das empresas, pois, independente do modelo organizacional, o mundo moderno está evoluindo cada vez mais, o que está fazendo com que se abandone a teoria X, trocando-a definitivamente pela teoria Y.