Refere-se às diferenças de conhecimentos ou especializações e habilidades periciais que os membros de uma equipe demonstram quando se reúnem. Tais diferenças podem facilmente engendrar conflitos, em que os indivíduos e os grupos defendem a integridade ou a superioridade de seus conhecimentos de base. (O universo do coaching executivo oferece excelente exemplo desse aspecto!)

Equipes mistas

O fato de uma equipe ter membros dos dois gêneros pode afetar significativamente sua forma de abordar as tarefas. As diferenças de desempenho parecem se relacionar a dois fatores, segundo pesquisas com grupos só de homens ou só de mulheres: 1) tarefas ou ambientes favoráveis aos interesses ou capacidades de um gênero em detrimento do outro, e 2) diferenças entre os comportamentos de homens e mulheres em grupos. Por exemplo, “a tendência dos homens em grupos de dar opiniões e sugestões, e a tendência das mulheres a agir de modo amistoso e concordar com os outros”. 


Benefícios da diversidade para o desempenho


Embora a existência de múltiplas perspectivas possa, às vezes, ser incômoda e dar margem a conflitos em torno de diversas questões, ela também ajuda a evitar a massificação do pensamento, quando a opinião individual é anulada em nome do ajustamento ao grupo. Em geral, os grupos fazem julgamentos mais radicais que os indivíduos. Em parte, isso resulta no fato de que, quando as pessoas são solicitadas a fazer julgamentos fora do contexto do grupo, sua noção de autoidentidade prevalece em suas escolhas. Porém, quando estão em grupo, a maioria predomina em seu esforço de consolidar sua identidade social.

Ou as pessoas mudam suas opiniões para se conformar à norma grupal, ou são dominadas pela qualidade dos argumentos. Na prática, ambos os fatores desempenham seu papel. Quando o problema é óbvio e as escolhas não demonstram ambiguidade, a persuasão do argumento predomina na mudança de opinião; porém, quanto maior a ambiguidade, mais as pessoas serão influenciadas pelo instinto de se conformar socialmente.


David Clutterburck em Coaching Eficaz: Como orientar sua equipe para potencializar resultados