O poder da autorresponsabilidade
Sabia que você é o único responsável pela vida que tem levado, e que está no lugar que se colocou?

Como você tem levado a sua vida é mérito seu, seja pelas suas ações conscientes ou inconscientes, pela qualidade de seus pensamentos, comportamentos e suas palavras. Por mais doloroso que seja, foi você que levou a sua vida ao ponto que está hoje.

Essas afirmações podem ser difíceis de entender e até um pouco duras, mas peço que não entenda como uma acusação e sim como um conselho libertador e fortalecedor. A crença de que foi você que se colocou, ou pelo menos se permitiu estar onde está, é muito benéfica e fortificante. 

Afinal, se foi você que se colocou na situação de vida que está hoje, por mais difícil que esteja, foi você o condutor do caminho percorrido, obtendo os resultados e não necessariamente fracassos.

E caso não esteja satisfeito com seus frutos, basta reconhecer que suas escolhas e seus caminhos não tem sido satisfatório, e então redirecioná-los de forma autorresponsável, objetiva e consciente.

Autorresponsabilidade é a capacidade racional e emocional de trazer para si toda carga que acontece em sua vida, por mais inexplicável que seja e que pareça estar fora do seu controle e das suas mãos.

Já perguntou para alguém que está passando por alguma situação negativa, como estão as coisas? E a resposta obtido é negativa, tentando tirar de si a responsabilidade pelos seus resultados negativos e responsabilizando os outros.

Muitas vezes essas pessoas não percebem que seus comportamentos, pensamentos e sentimentos estão criando a vida delas, e normalmente buscam explicações externas para esclarecer suas desventuras e azares. Por isso, responsabilize-se pelas suas atitudes e escolhas, porque elas terão consequências e determinarão seu caminho.

Autorresponsabilidade é a crença de que você é o único responsável pela vida que tem levado, sendo assim, é o único que pode mudá-la, como diz o escritor Paulo Vieira, e que concordo plenamente.

Responsabilize-se pelos seus pensamentos e sentimentos, pois estes sendo positivos estruturam nossas crenças e realizações.

A atitude de autorresponsabilizar-se nos empodera e capacita a mudar o que deve ser alterado para continuar a avançar na direção de nossos objetivos conscientes e de um equilíbrio de vida.

Contudo, acreditar ou não em qualquer coisa é uma questão de escolha. Acreditar que é o único responsável pela vida que tem levado e que você constrói as circunstâncias e os acontecimentos de sua vida também é uma escolha, como acharmos que somos vítimas ou prisioneiros de nossos destinos e que vamos apenas reagindo ao mundo e aos acontecimentos.

Prefiro acreditar que criamos nossas experiências por palavras, comportamentos e pensamentos e que tudo o que comunicamos, pensamos e sentimos gera resultados e objetivos palpáveis em nossas vidas!

“A incapacidade de viver de forma autorresponsável nos faz reviver as mesmas circunstâncias de dor ao longo da vida.” Paulo Vieira

Pessoas de sucesso simplesmente assumem que estão onde se colocaram, e com humildade e sabedoria buscam aprender com seus erros para que da próxima vez possam obter resultados melhores.

Pessoas de sucesso não costumam desistir dos seus sonhos: elas aprendem com seus erros e perseveram, persistem focadas em seus objetivos, fazendo diferentes ações, com diferentes comportamentos, agindo, pensando e sentindo de forma diferente. Dessa forma, você pode agir diferente também!

Você possui todos os recursos de que necessita dentro de si para prosperar e ser feliz. Não se culpe por tudo e nem todos pelas coisas que acontecem contigo, seja cada vez mais responsável pelos seus resultados e busque o melhor!



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor identificado abaixo.