Os investimentos em tecnologia ou estrutura podem aumentar a produtividade de uma empresa, mas são insuficientes para garantir um bom retorno de empenho dos funcionários.

O coaching é importante no processo de gestão de recursos humanos, capaz de apoiar os funcionários na busca por foco profissional e pessoal em suas vidas, gerando excelentes resultados para as organizações.

Entendendo o que é coaching

A responsabilidade de administrar empresas ou departamentos hoje não é mais uma necessidade burocrática, focada na saúde financeira e bom andamento dos setores. Na boa gestão, os colaboradores são peças vitais para a engrenagem, precisando ser compreendidos e motivados.

O coaching possibilita que as pessoas se tornem mais fortes e produtivas, através de metodologias que abordam diversos aspectos como visão e missão pessoal e da organização, descoberta pessoal e realização do potencial.

Possíveis causas para a queda de desempenho

O empenho abaixo do esperado pode ter várias causas, como falta de expectativas com crescimento dentro da empresa, salários baixos ou mesmo problemas na vida pessoal.

Estudos mostram que a maioria dos gerentes possui grande capacidade técnica para o que fazem, mas geralmente tem deficiências relacionadas a aspectos comportamentais, ou seja, entendem pouco do comportamento humano.

Líderes diferem-se de gestores por terem um ótimo domínio comportamental, habilidade decisiva para inspirar pessoas a trabalhar e a desenvolver seu potencial.

Saiba qual o papel do Gestor de RH

A importância do feedback

Daí a importância do feedback, fundamental para garantir que as pessoas ouçam, aceitem e estejam receptivas para o planejamento das ações.

As sessões de feedback devem acontecer fora do ambiente normal de escritório, para que as pessoas fiquem relaxadas, livres de interrupções e rotas de fuga.

Leia também: Como Dar Feedback?

Coaching e feedback

O coach deve tornar fácil o processo de fluxo de feedbacks, ajudando o executivo a entender os dados e moderar suas reações negativas, consultando os requisitos do negócio, atributos de líder, os resultados de negócio esperados e compará-los com o desempenho atual. Dessa forma, o feedback é direcionado aos objetivos-chave do negócio.

A sessão de feedback geralmente reafirma regras, revê objetivos das metas e do contexto empresarial, descreve como interpretar os resultados, dá a oportunidade executiva para analisar os resultados, discute surpresas e frustrações, enfatiza forças, identifica as necessidades de desenvolvimento, concorda com áreas de melhoria e inicia o processo de planejamento do desenvolvimento.