Muitas mulheres ficam receosas e com muitas dúvidas em relação a sua carreira profissional após a chegada do seu primeiro filho. 

Algumas delas acham que pouca coisa vai mudar, outras nem pensam em como será a licença maternidade, pois sempre trabalharam e acham que dar conta de um bebê não pode ser mais cansativo do que trabalhar o dia todo fora de casa (eu fui uma delas). 

No entanto, só quem já é mãe sabe que não estamos preparadas, de fato, para esta mudança completa de rotina após o nascimento do bebê.

Cada mãe é uma mãe e, por mais que planejemos o retorno ao trabalho, é difícil saber como nossos sentimentos lidarão com todas estas mudanças. Algumas mães que estavam muito firmes em retornar ao trabalho após a licença sentem uma angústia infinita quando estão prestes a retornar. Outras, mesmo amando muito seus filhos, contam os dias para voltar ao trabalho para conseguirem se restabelecer como indivíduos, sonhando em fazer uma refeição quente e com calma, podendo retomar os assuntos de “adultos”, que não sejam bebês, fraldas e horas de sono por noite.

Algumas mães lidam bem em deixar seus bebês com avós ou outra pessoa de confiança (seja da família ou uma funcionária) ou até mesmo em creches e conseguem retomar sua rotina de trabalho praticamente da mesma forma como trabalhavam antes da maternidade. 

Outras travam e não conseguem nem pensar em se separar de um ser indefeso de 4 ou 6 meses. A situação emocional e financeira em que estas mães se encontram fará toda a diferença na retomada do trabalho ou na decisão de interromper a carreira por certo tempo.

O importante é que essas mães possam se organizar para que consigam se sentir seguras, felizes e realizadas com relação à maternidade e à carreira também, para que possam exercer plenamente seus papéis de mãe e profissional, não necessariamente ao mesmo tempo e da mesma forma. 

Cada mãe precisa se reconhecer após a maternidade, reavaliar como se sente frente a este novo cenário e planejar a sua retomada à rotina, à mudança de carreira ou até mesmo para a pausa profissional. 
Transforme sonhos em realidade

Se não conseguimos nos planejar neste sentido antes da chegada dos pequenos, a licença maternidade pode ser uma ótima oportunidade para olharmos para dentro, avaliarmos o que nos faz felizes e buscarmos o que realmente faz sentido nesta nova etapa das nossas vidas.



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor identificado abaixo.