Diferencie o estado atual da realidade
Suponhamos que você, enquanto coach, se encontre diante de duas situações hipotéticas: na primeira, entre vários outros assuntos, ouve um de seus coachees falar de lacunas do seu passado, mencionar problemas que, segundo ele, interferem em seus resultados ou mesmo no estabelecimento de suas metas e também reclamar de pessoas de seu convívio que dificultam sua realização e produtividade.
 
Em outra sessão, com outro coachee, ocorre algo um pouco diferente. Seus relatos se mantém mais direcionados a situações que ele está vivenciando no dia a dia. O que ele traz para você são informações mais genéricas e ou pontuais, contudo mais delimitada a um espaço mais restrito de influência em relação à sua vida. Ele praticamente não cita problemas externos nem pessoas que poderiam estar interferindo diretamente em seus resultados, seja positiva ou negativamente.
 
Você consegue perceber alguma diferença entre os dois cenários propostos? Talvez sim, mas ainda falta defini-los dentro do processo do coaching. Nos casos citados, estamos falando de Estado Atual e Realidade, não necessariamente nesta ordem.
 
Há uma exponencial diferença entre as duas terminologias. Compreender essa diferenciação será de suma importância para a excelência do processo de coaching. Em um primeiro momento, se não estivermos atentos, poderemos entender que os dois termos têm o mesmo significado.
 
Em algumas vezes, de fato, eles poderão estar em consonância, contudo com a escuta atenta e estruturada serão captados detalhes que farão grande diferença no processo.
 
O Estado Atual é aquele descrito pelo seu coachee, ou seja, o que ele vive todos os dias, que ele sente, enfrenta e que realmente tem uma influência sobre a vida dele. O Estado Atual é de suma importância porquê tem o sentimento e a emoção de seu cliente, e mais que isso, é verdadeiramente como ele se sente em relação a tudo que vivencia diariamente, e essas informações são importantes para o coach.
 
A Realidade é a fusão e a compreensão de tudo aquilo que foi relatado no Estado Atual, acrescido das informações que foram “escapando” da boca do seu coachee, ainda que para ele sejam apenas comentários sem importância. A escuta atenta faz todo sentido nesse momento, pois é ela quem vai apoiar o coach a realmente apurar qual é a realidade do seu cliente, e essas informações serão ouro.
 
A Realidade envolve também os gaps, os “problemas”, terceiras pessoas que influenciam as decisões, ações e reações do coachee.
 
Você tem notado em suas sessões a diferença entre o Estado Atual e a Realidade?



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor identificado abaixo.