Qual é o conceito de comportamento e personalidade?

Comportamento é conduta, procedimento e maneira de uma pessoa se comportar. Trata-se do conjunto de atitudes e reações de um indivíduo em face do meio social, podendo ser entendido como a exteriorização da personalidade, as reações singulares diante de uma situação.

A personalidade pode ser entendida como um padrão singular de pensamentos, sentimentos e valores de um indivíduo que persistem ao longo do tempo e das situações. É o elemento estável da vida psíquica de uma pessoa, sua maneira habitual de ser, o que a distingue da outra, organização constituída por todas as características cognitivas, afetivas, volitivas e físicas de uma pessoa.

Como a personalidade de forma?

De acordo com a psicóloga e professora Rosalice Lopes, a personalidade é geradora de comportamentos e tende a se manter estável, ou seja, aquilo que uma pessoa possivelmente será até o final da vida. Ela resulta da interação do indivíduo com o meio e suas características herdadas.

Alguns pesquisadores admitem que a infância seja um período decisivo na formação da personalidade e que as características formadas nesse período dificilmente se alteram, enquanto outros pensam que ela vai se constituindo durante toda a vida num processo incessante.

Personalidade e comportamentos isolados

A personalidade de cada pessoa é singular e tem uma dinâmica própria, mesmo que a pessoa tenha comportamentos isolados que entrem em choque com o todo da sua personalidade. Muitas vezes julgamos precipitadamente uma pessoa em virtude de um comportamento que ela manifesta.

Um bom exemplo é o de uma mulher que, após aguardar 10 minutos para passar na porta giratória de um banco, grita para o segurança dizendo que ele deveria aprender a trabalhar. O segurança sem entender nada, imagina que essa mulher seja louca. Na verdade, a mulher apresentou uma reação de comportamento exaltado. Embora seja necessário conhecer melhor a pessoa para identificar sua personalidade, naquela hora, na porta do banco, o segurança testemunhou um comportamento, que, talvez, não seja condizente com a personalidade da mulher.

Por isso, para não julgar como descontrolada uma pessoa que perdeu o controle num momento anormal precisamos aprender a diferenciar as reações momentâneas daquilo que pode ser considerado permanente nas pessoas.