O que nos faz conscientes ou não, muitas vezes continuamos a nos enganar? Por que em meio a repetidos desgostos seguimos apegados a algo ou alguém, que no fundo sabemos que não vai dar em nada, a não ser raros momentos de mera satisfação? Por que continuamos a investir nossas horas, nosso tempo, nossa vida, ao que na realidade já estamos cientes que não nos pertence mais?

É incrível, mas pasmem: o ser humano acostuma-se a tudo, até mesmo ao sofrimento! Estagnados, presos na “zona de conforto” (que nem sempre é tão reconfortante assim) a não ser o fato de já sabermos como tudo vai terminar, seguimos aprisionados ao medo da mudança, de vencer ou não os limites da própria evolução.

O que fazer para conseguir ultrapassar essas barreiras, para se livrar desses impasses que não nos levam a lugar algum?

Todos nós somos capazes de superarmos as circunstâncias, de vencermos nossos limites, independentemente de quais forem e passar a valorizar o que verdadeiramente é relevante; pode ser que o resultado não seja idêntico ao esperado, mas se nada for feito a respeito, não haverá resultados! É essencial uma tomada de atitude, passar a não se aceitar como vítima da situação, dos outros, da sociedade, da crise.

O poder oculto

O poder da transformação está em suas mãos, você pode alcançar seu ideal; inove, quebre o padrão! É preciso ser diferente para se destacar, seja forte, decidido, consistente! Explore o que tem de melhor em si e comece a agir.

Trabalhe sua mente, seus pensamentos, seu potencial; conduza a si próprio, defina como estratégia se desenvolver para dominar estas 4 habilidades: absorvendo-as, focando, treinando-as! 

Veja dicas essenciais para você alavancar seus resultados:

- Habilidades pessoais: permita-se conduzir a si mesmo; escolha, planeje e busque o estado desejado mais apropriado, trace estratégias criteriosas e coloque-as em prática, tome a atitude que lhe cabe; coragem é uma arte de fazer o medo ser menor que sua vontade.

- Habilidades relacionais: desenvolva a capacidade de entender, motivar e comunicar com outras pessoas, tenha a destreza de ser perceptivo, compreender o modelo do mundo do outro, seus problemas, seus sentimentos, seus objetivos.

- Habilidades de pensamento estratégico: necessárias para definir e atingir metas e objetivos específicos. O pensamento estratégico envolve a habilidade de identificar um estado desejado relevante, acessando o estado inicial e estabelecendo metas para chegar ao estado desejado; nem todas as situações da vida podem ser fáceis, mas a cada obstáculo superado você ganha força para ir em frente.

- Habilidades de pensamento sistêmico: pratique identificar e entender a extensão do problema, esta capacidade está na raiz da solução efetiva dos dilemas, competência de pensar e criar uma maneira prática e concreta, priorizando encontrar a melhor solução.

Após esta explanação, te convido a colocar em prática essas dicas e libertar-se das amarras do passado. Você não precisa ficar preso a algo ou alguém que não o faça se sentir valorizado, realizado; permita-se aprender, desenvolver, evoluir. Pessoas inteligentes estão sempre abertas a mudanças quando entendem que estas irão colaborar para o seu crescimento.

Enfrente seus medos e torne-se maior que seus desafios.

Comprometa-se com a satisfação de potencializar suas qualidades e habilidades técnicas; desenvolva o autocontrole para agir com habilidade mestra em situações de risco e pressão, obtenha uma visão estratégica e ações voltadas para o presente/futuro, encontrando soluções poderosas para diversos níveis de desafios, assim atingindo objetivos e metas de forma mais rápida e eficaz.

Diante do proposto, o que você pode começar a colocar em prática para superar seus limites?



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor identificado abaixo.