Quando somos crianças, brincamos, sonhamos e imaginamos tantas coisas não é mesmo? Aposto que você já fez algum desenho visto como maluco, com uma árvore cor de rosa, um elefante laranja, uma casa flutuante, ou dizia: “quando eu crescer serei um astronauta”!

Acontece que vamos construindo desde crianças nosso mapa mental com tudo que ouvimos, interpretamos, e acreditamos ser a realidade. Os dados que vem do ambiente pelos nossos sentidos de visão, tato, olfato, e paladar, atravessam os filtros que operam no nosso subconsciente. Não poderíamos viver sem filtrar tantas informações vindas do exterior, e no fim desta filtragem, fazemos uma representação mental da realidade, resultando um estado emocional e um comportamento. Tudo em fração de milésimos de segundos.
Por exemplo, o pai critica veementemente seu filho de 8 anos por ter quebrado um copo: - Você é "burro" incompetente, desastrado...
Essa é uma crença negativa, e dependendo da frequência com que é utilizada e da representação mental que a criança faz o sentimento de incapacidade, medo de errar poderá segui-la para o resto da vida, mesmo que de forma inconsciente.
Por isso, precisamos tomar muito cuidado, e NUNCA dizer a uma criança que aquele sonho é bobagem, pois já nascemos perfeitos para sermos o que quisermos, se acreditarmos! Acredite nos seus sonhos, e tenha pensamentos positivos! O que não bater com o seu mapa, jogue fora!
O cérebro é um "hardware" fantástico, podendo sim se moldar a cada novo pensamento, novas sinapses (caminhos) se formam e isso se reflete numa mudança estrutural do cérebro. O processo de Coaching trabalha o mapa, valores, e propósitos, e através da Programação Neurolinguística (PNL) faz uma reprogramação, eliminando as crenças limitantes que impedem a pessoa de atingir seus objetivos, sejam profissionais ou pessoais.
O que pesquisas recentes revelam, é que o pensamento positivo não só ajuda a combater o estresse, mas também têm efeitos positivos na saúde. Sentir-se seguro e acreditar que ainda vai realizar seus objetivos, ajuda a pessoa a se curar, reduzir as inflamações causadas pelo estresse e os níveis de hormônios do estresse, o cortisol. Reduz as possibilidades de doenças direto do cérebro: acalmando nosso sistema de fuga e estimulando o seu oposto, o sistema de “descanso e digestão" com o hormônio da felicidade, a serotonina, trabalhando assim como sistema de recompensa, alavancando o acreditar que pode atingir outros objetivos também! 
Nossa mente é poderosa, e pode nos elevar ou nos destruir, então escolha pensar positivo!


Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade da autora identificada abaixo.