Podemos pensar que mudança é um ciclo constante. Tudo é transformação e mudança. O universo está permanentemente em evolução. Um exemplo muito próximo é o da tecnologia, que avança numa velocidade que não se admite comparação.

Citando Heráclito de Éfeso, um pensador:

“ Não se pode pisar duas vezes no mesmo rio, já que as águas continuam constantemente rolando (...) Tudo flui e nada permanece igual, tudo se desintegra e nada continua (...) O frio se torna quente, e o quente, frio; o úmido se torna seco e o seco umedece (...)”.

Quando mudamos nossa posição diante de uma situação, seja no âmbito familiar , profissional ou até mesmo no ciclo de amigos, convidamos à mudar aquele que está também do nosso lado. Mas, convidar a mudar, não significa propriamente que a mudança do outro ocorra. O que ocorre é que mudar de posição convoca o outro a pensar sobre a possibilidade de também tornar-se diferente.

E por que possuímos tantas atitudes resistentes às mudanças? Por que muitas vezes buscamos as mudanças, mas não queremos mudar?

Sabemos que o caos faz parte da mudança. Mudar de posição requer um gasto de energia, necessita de movimento, de esforço e de muito desejo. Portanto, possibilidades de mudanças só ocorre com aquele que se responsabiliza por aquilo que lhe acontece. Eis o ponto de partida, o ponto para transformação.

O processo de coaching nos possibilita tornar-se diferente. Apenas quando passamos a nos perguntar, a nos implicar; diferentemente de dizer por exemplo:

” Aprender a dirigir é difícil. Nunca vou dirigir um carro”. E passar a se perguntar: “ O que eu posso fazer para aprender a dirigir? Como posso fazer para gerar uma mudança nessa situação? O que me impossibilita?

O processo de coaching nos possibilita reconhecer nossa verdadeira motivação. Passamos a nos perguntar e revisitar nossos valores, afinal, são eles que governam nossas ações e decisões, sejam elas negativamente ou positivamente.

O processo de coaching também nos possibilita aprendizagem a cerca de nós mesmos, o autoconhecimento. E aprendizagem significa também ampliar, desistir de algo, mudar, transformar, tornar-se diferente e agir diferentemente com tudo ao nosso redor.

Inseridos num processo de coaching passamos a ser protagonistas de nossa história, baseados em nosso propósito de vida com responsabilidade e autoconfiança. Significa traçar nosso plano literalmente.

Então, um convite à mudança! Qual será o próximo passo?
Transforme sonhos em realidade



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade da autora identificada abaixo.   

  0   0

Jucileide Souza de Santana

Master Coach

Psicóloga , Profissional de RH com mais de 20 anos de experiência ,Cursa Pós -Graduação em Gestão Estratégica de Pessoas pela Universidade Mackenzie. Master Coach Certification , Analista DISC , ASSESS, SIXSECONDS pela Sociedade Latino Americana de Coaching.