Estabelecer objetivos e metas concretas junto ao grupo é uma das funções do líder. Bem como motivá-lo para a conquista dos mesmos. Construir um ambiente social e psicológico favorável também qualifica o indivíduo como líder em potencial, desde que este consiga se comunicar com os demais de maneira eficiente.

A comunicação deve ser uma das principais preocupações do líder. Lembrando que comunicação não é somente fazer discursos ou sermões, mas sim ter a capacidade de ouvir e ver, interpretando as informações recebidas. Isso porque, mais importante que as palavras, são os procedimentos. Um líder é seguido pelas suas atitudes.

Outro fator necessário para a constituição de uma boa liderança é saber identificar qual indivíduo pode exercer tal função em determinado momento. Por se tratar de uma relação de interação entre a personalidade da pessoa e uma situação específica, um indivíduo pode estar apto a liderar um grupo numa dada circunstância, mas não em outra. Características individuais somadas formam as características de um grupo. “A força do lobo está na matilha, e força da matilha está no lobo!”.

No futebol, o líder, nem sempre está em campo. Exerce liderança aquele que identifica o momento ideal em que é necessário um espírito de liderança, seja para acalmar a equipe, para motivá-la ou até mesmo para apoiá-la do banco de reservas.

Transforme sonhos em realidade
Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor do post identificado abaixo.

  0   0

Paulo de Tarso Ferreira Corrêa

Life Coach

Mestre em Ciências da Saúde Psicólogo Clínico Life Coach http://www.paulodetarsocoach.com http://lattes.cnpq.br/1070948307377585