Isso normalmente acontece porque muitas pessoas não sabem como aplicar um feedback, utilizando esta ferramenta tão importante apenas para criticar o liderado, ou as vezes sendo até ofensivo com o mesmo. Neste caso apontam apenas os erros e na grande maioria das vezes personalizam o assunto, fazendo com que não seja corrigido o problema, além de desmotivar o liderado.

Neste caso não é um feedback, e sim um feedferro, que é totalmente contraindicado para qualquer ambiente corporativo ou de convívio humano, pois pode deixar sequelas profundas com repercussões gravíssimas.
Mas você pode aplicar um feedback utilizando um método simples e prático, o qual certamente irá ser agradável para ambas as partes e muito produtivo também. Este tem que ser aplicado próximo ao fato ocorrido e em particular. Antes de entrar no método propriamente dito você tem que ter em mente dois conceitos básicos: em primeiro lugar dê um feedback que você gostaria de estar recebendo, ou seja, não trate o outro como você não gostaria de ser tratado; e em segundo lugar vou dar alguns passos para um feedback bem estruturado, que se resume em três partes que bom, que pena e que tal, ou seja comece elogiando, fale o que faltou e depois sugira as melhoras.

Para um feedback adequado, temos:

Convite Amigável - neste convite é importante que o liderado não se sinta coagido, indo para uma conversa com poucas restrições a reunião e a você.

Foco no liderado - Saber em detalhes o objeto do feedback, neste caso você terá que fazer uma preparação adequada, nesta fase faz a linha do tempo sobre o liderado (desempenho), colher informações pessoais porque no início da conversa é fundamental ter um quebra gelo onde ao chegar você comece conversando de assuntos neutros com o liderado para que este fique mais a vontade.

Pontos positivos - Agora você fala dos pontos fortes ao liderado, onde ele ajuda a equipe e principalmente a empresa, mostra o quanto este é importante.

Apontar os fatos - Nesta parte você descreve os fatos que foram de relevância para esta reunião, mas nunca torne pessoal, sempre mantenha o foco no que aconteceu deixando tudo de forma bem clara e tomando ciência de que o liderado esteja entendendo. Logo após você ouve o liderado sem interrompê-lo.

Melhorias - Então você pede ao liderado sugestões de melhoria a serem feitas, bem como você discute com ele possíveis mudanças e juntos poderão elaborar um plano de ação. Após isso se coloque a disposição para ajudá-lo caso tenha alguma dificuldade no processo.

Com estes cinco passos você aplicará um feedback com resultado extraordinário, sendo seu efeito positivo, aumentado a produtividade e a auto estima do liderado porque este verá sua valorização.
O feedback pode ser positivo ou negativo, porem só o feedback positivo é aplicado em público. Aplique bem o feedback, desta forma sua performance e imagem como líder e pessoa também serão valorizadas. Então eu pergunto: você prefere aplicar um feedferro ou um feedback?



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor identificado abaixo.

  0   0

Marcelo Gaspar Pinto

Executive Coach

Especialista em metas – Palestrante, Life & Executive Coach, Analista DISC®. Médico desde 1994, e empresário. Atualmente ministro palestras com foco na realização de Metas, coach, sendo pós graduando em Gestão em finanças e auditoria na Fundação Getúlio Vargas.