Ao invés de dar respostas, caminhos e experiências, ele o instiga a pensar em como o coachee é o responsável pelos seus próprios problemas que estão lhe custando o progresso e o sucesso. Em como os obstáculos que lhe impedem de seguir em frente com sua meta são de sua própria invenção ou faz com que os problemas de terceiros o atrapalhem. É nesse momento que o coachee percebe que a sessões vão ficando cada vez mais árduas, em que há vezes que ele pensa mil vezes antes de remarcar uma sessão.

Até o momento em que ele consegue mudar seu pensamento e comportamento. Quando finalmente muda sua visão em relação aos obstáculos que lhe estão atrapalhando. Quando se livra de crenças que o impediam de seguir em frente. Quando aprende mais sobre si mesmo, seus valores, seus gostos e suas motivações. Finalmente ele enxerga os resultados do processo de coaching. E como essa sensação é revigorante! "É claro! Como eu não pensei em fazer isso antes?!".

Mas ele pensou sim, no entanto, naquela época, ele não conseguia enxergar em como tudo poderia terminar de modo diferente. Agora ele aprendeu. Aprendeu que existem inúmeras possibilidades em sua vida, aprendeu que nem tudo é feito em preto e branco, e sim um arco-íris de opções. E o mais interessante de tudo é que ele deve todo o seu sucesso ao seu coach, sem ele, não teria conseguido sair do lugar. E mais uma vez nós sabemos que o coach é e faz exatamente o contrário.

Pelo final do processo de coach, devemos deixar claro que todo o sucesso do coachee dependeu única e exclusivamente dele. Seu progresso dependeu da própria mudança interna dele. Nós apenas o instigamos a pensar de forma crítica e focar na meta. Por mais que formulemos um plano de ação, quem deve fazê-lo acontecer é o coachee. E que sua adoração pelo seu coach deve ser transformada em orgulho do próprio trabalho que ele tão arduamente executou.

E eu sei de tudo isso por que fui coachee, passei por todos os estágios descritos acima, eu admirei e ainda admiro minha coach, uma excelente profissional. Mas agora somos amigas e colegas da mesma profissão. Me orgulho de todo os planos de ação que executei no meu processo de coaching. E agora espero poder proporcionar esse sentimento ao meus próprios coachees.

Transforme sonhos em realidade


Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade da autora identificada abaixo.

  0   0

Luciana Lopes Santos de Sá

Life Coach

Bacharelado de Administração pela Universidade Federal do Amazonas (2016). Analista DISC pela Thomas International (2015). Life Coach pela SLAC (2016).