No processo de emagrecimento, muitas vezes, o indivíduo enfrenta vários momentos de dificuldade. Mudanças e muitos valores terão que ser realinhados internamente para que a perda de peso siga adiante e com resultados satisfatórios. Neste contexto, desenvolver uma mente resiliente, capaz de vencer os obstáculos e persistir nos momentos difíceis é essencial. Um indivíduo resiliente é sempre positivo para as mudanças. Ele acredita que a solução está dentro de si e que as condições adversas vindas do meio externo são contornáveis por suas ações bem alinhadas.

A pessoa com resiliência coloca-se como o eixo da sua transformação. É criativa para achar soluções para os problemas vindos do seu dia-a-dia alimentar e não tem a propensão a vitimar-se. Coloca-se como responsável dentro do processo de mudança e é capaz de superar-se após as recaídas. Dentro do processo de emagrecimento muitas condições externas podem interferir negativamente quando a pessoa envolvida não possui resiliência.

Sem resiliência, a pessoa tende arrumar desculpas externas ou internas para si mesma quando ela não consegue emagrecer. Pode apontar o meio em que vive como o causador da sua falta de sucesso no emagrecimento. Quando culpa o externo, acredita que as festas e eventos a impedem do êxito, também acredita que o problema está no marido que faz as compras erradas, na falta de tempo para exercícios físicos, na falta de dinheiro para aquisição de alimentos corretos e na genética que possui. Quando uma pessoa arruma desculpas de cunho interno, acredita que não é capaz de atingir o sucesso no emagrecimento, pois é preguiçosa, sem força de vontade, pouco perseverante, possui baixa autoestima e sente-se incapaz de atingir a vitória.

Para atingir o emagrecimento, mais do que um plano alimentar calculado por um bom profissional nutricionista, é necessário que a pessoa adquira uma capacidade de enfrentamento de situações adversas que podem ser externas ou até mesmo internas a ela.

Mudanças de valores internos, autoconhecimento e percepção das crenças que limitam o indivíduo se torna extremante importante de serem reconhecidas no processo de perda de peso. Valores desalinhados podem ser os causadores da incapacidade de persistência ou falta de resiliência. Crenças limitantes também podem ser a causa do insucesso. Reconhecer isto é autoconhecimento e pode ajudar a pessoa a se tornar mais resiliente diante do processo de perda de peso.

Não resta dúvida que uma pessoa que deseja emagrecer, conseguirá atingir o sucesso mais facilmente quando possuir ou adquirir características de resiliência. Ela passará a enxergar o positivo no lugar do negativo, apontará a solução ao invés do problema e criará uma capacidade de enfrentamento e resolução para si e para o meio que a cerca.



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade da autora identificada abaixo.

  0   0

Maria Amélia de Alvarenga Drummond

Life Coach

- BACHAREL EM NUTRIÇÃO PELO CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVA, 2004. - PÓS GRADUADA EM EDUCAÇÃO INFANTIL- CEPEMG, 2005. - PÓS GRADUADA EM OBESIDADE E EMAGRECIMENTO- ESTÁCIO DE SÁ, 2015. - PÓS GRADUADA EM NUTRIÇÃO CLÍNICA- UCAMPROMINAS, 2016. - AUTORA DO LIVRO DE ED. NUTRICIONAL POESIA, ALIMENTO E FANTASIA, 2003. - AUTORA DAS LETRAS DO CD O MUNDO MÁGICO DOS ALIMENTOS, 2009.