De acordo com a definição do Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, humanização é o ato ou efeito de humanizar. Humanizar, por sua vez, e de acordo com a mesma fonte, é tornar-se humano; dar ou ganhar atributos humanos. Tornar-se sociável, agradável.

A humanização cria condições melhores e “mais humanas” para os colaboradores de uma empresa ou instituição, bem como para clientes e utilizadores de um serviço ou sistema. A humanização dos serviços a vários níveis cria um modelo social mais humanizado alavancando resultados e com impacto positivo para a sociedade no seu todo.
Humanizar não é uma técnica, uma arte e muito menos um artifício, é um processo vivencial que permeia toda a atividade do local e das pessoas que ali trabalham, trata-se de dar a todos os intervenientes de um ambiente o tratamento que merece como pessoa humana, dentro das circunstâncias peculiares que cada um se encontra no momento da interação e face ao contexto organizacional. Humanizar é individualizar a assistência, o atendimento, a solução, a interação frente às necessidades de cada um.
Os avanços do conhecimento e da técnica têm forte repercussão em todas as áreas da vida pessoal e profissional, refletindo diretamente no conforto pessoal, na qualidade de vida e na longevidade das pessoas, nas interações pessoais e profissionais, na relação empresa/colaborador, empresa/cliente, clientes/fornecedores ou parceiros de negócio. Entretanto, o avanço tecnológico trouxe consigo também um aspecto mais “mecânico” nas relações entre as pessoas e organizações. Aprendemos o preço das coisas, mas não o seu valor.
A humanização é sinônimo de empregar sabedoria e sentimento nas interações, agir de maneira sincera e leal ao outro, ouvir com ciência e paciência. É entender que por de traz de uma atitude conflituosa, desajustada pode existir um estado de ansiedade, incertezas, solidão, carência, enfim, sensações inerentes de pessoas envolvidas em um momento de grandes inconstâncias e de mudança de paradigmas.
Humanizar, além da interação fraterna e humana é procurar aperfeiçoar os conhecimentos continuadamente, é valer-se de uma atitude ética, moral e transparente. É procurar colocar-se no lugar do outro e entender suas inseguranças e seu ponto de vista. 
Na realidade, a humanização do atendimento e da interação pessoal e/ou profissional deve valorizar o respeito afetivo ao outro, deve prestigiar a melhoria na vida e a relação entre as pessoas em geral.
A empatia e a comunicação verbal ou não verbal são pré-requisitos necessários para uma ação recíproca entre os intervenientes de uma relação organizacional e social positiva.
Essência da Ação Técnica e Ética nas Práticas de Relações Pessoais e Organizacionais Positivas:
• O processo de humanização implica a evolução do homem, pois ele tenta aperfeiçoar as suas aptidões através da interação com o seu meio envolvente. Para cumprir essa tarefa, os indivíduos utilizam recursos e instrumentos como forma de auxílio. A comunicação é uma das ferramentas de grande importância na humanização.
• A humanização nas organizações implica uma mudança na gestão dos seus sistemas e serviços. Essa mudança altera o modo como colaboradores, chefias, lideranças, parceiros e sociedade interagem entre eles. A humanização na gestão tem como um dos seus principais objetivos fornecer um melhor ambiente organizacional e melhores condições para todos.
• Humanizar a gestão também significa que as mentalidades dos indivíduos vão sofrer mudanças positivas, criando novos profissionais mais capacitados, mais motivados, que praticam e promovam a empatia,  a tolerância, a compreensão, a superação e a orientação para pessoas que melhoram todo o sistema organizacional.
• Criar uma nova cultura de humanização, que valoriza as ações humanizadas já desenvolvidas, criando uma filosofia organizacional que promova a conjugação cotidiana do verbo humanizar.
Humanizar é possível !
Uma cultura de humanização necessita tempo para ser construída, impõe a participação de todos os intervenientes dos vários sistemas sociais e organizacionais, determina a ruptura de paradigmas. Humanizar é verbo pessoal e intransferível, visto que ninguém pode ser humano em nosso lugar. E é multiplicável, pois é contagiante.
• Em termos de SISTEMA, a humanização irá atuar ao nível:
• Estratégia e Cultura;
• Comunicação;
• Operacional;
• Gestão de Informação;
• Liderança.
Relativamente à EXPERIÊNCIA DA ORGANIZAÇÃO irá atuar a nível dos seguintes intervenientes:
• Clientes;
• Colaboradores;
• Parceiros / Fornecedores;
• Gestão Geral;
• O interesse e competência na área de atuação, na prestação de serviços ou fornecimento de produtos;
• Promove e aumenta o diálogo e o respeito;
• Evita aborrecimentos e constrangimentos;
Transforme sonhos em realidade
• Mudança de Paradigma - Uma Nova Forma de Trabalhar;
• Modelo Integrado de Liderança e Gestão de Pessoas e Equipes;
• Melhoria de Processos Operacionais;
• Aumento de Níveis de Satisfação, Eficácia e Notoriedade;
• Melhoria e Aumento dos Resultados da Atividade.

O rio atinge os seus objetivos porque aprendeu a contornar os obstáculos. 
Lao-Tsé



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade da autora identificada abaixo.