Introdução

No processo de elaboração do Código de Ética para o Profissional de Coaching da SLAC Coaching - Sociedade Latino Americana de Coaching, tomaram-se por base, também, as Afirmações Universais de Direitos Humanos, que conceituam a proteção do ser humano no contexto das relações entre este e a sociedade.

O Coaching afirma-se, segundo as mais atualizadas pesquisas sobre a profissão, como atividade imprescindível à promoção do desenvolvimento humano em diversas áreas, como Qualidade de Vida, Carreira, Negócios, Relacionamentos e Liderança.

Ao Coaching, como atividade profissional, foram identificadas a importância de conhecimento técnico especializado e a necessidade do desenvolvimento de competência específica para sua aplicação, possibilitando, assim, estender a toda sociedade os valores e os benefícios da sua prática com respeito e sigilo absoluto.

Este Código propõe estabelecer a articulação das dimensões técnica e social com a dimensão ética, de forma a garantir, no desempenho profissional de Coaching, a união de conhecimento e atitude.

Isso posto, o ideal da profissão define-se pela prestação de um atendimento melhor e mais qualificado, tendo como referência um conjunto de técnicas, normas e valores éticos livremente assumidos, individual e coletivamente, pelos Profissionais de Coaching da SLAC Coaching - Sociedade Latino Americana de Coaching.

A Elaboração do Código de Ética

A elaboração do Código de Ética para a Profissão de Coaching foi desenvolvida a partir do estudo da história de sua existência, da experiência de um grupo de profissionais da área e da resposta de seus clientes.

Desse modo, foram estabelecidos os 10 (dez) artigos para aplicação do Código de Ética, que fixam a forma pela qual devem se orientar os Profissionais de Coaching formados na SLAC Coaching Sociedade Latino Americana de Coaching.

  1. O Código de Ética dos Profissionais de Coaching é um instrumento regulador do exercício da profissão, formalmente vinculado à SLAC Coaching - Sociedade Latino Americana de Coaching. Define-se como um instrumento do exercício da profissão, sujeito, portanto, a um aperfeiçoamento constante que lhe permita estabelecer os sentidos éticos.
  2. O profissional de Coaching, membro cadastrado da SLAC Coaching - Sociedade Latino Americana de Coaching e adepto ao presente Código de Ética, é conceituado como um Coach, que age na promoção de mudanças e deve assumir compromisso ético.
  3. Este Código de Ética define, no âmbito de toda e qualquer prática de Coaching, seja Coaching de Vida, Coaching de Carreira, Leader Coaching, Coaching de Relacionamentos ou Coaching Executivo, como beneficiários das ações os indivíduos, grupos e empresas. O profissional de Coaching, quando vinculado à Sociedade Latino Americana de Coaching, está apto a desenvolver a função de Coach especificada em sua credencial de apresentação.
  4. A citação básica deste Código de Ética é a necessidade em caracterizar o profissional de Coaching diante das diretrizes de direitos e deveres estabelecidas e regulamentadas pela SLAC Coaching - Sociedade Latino Americana de Coaching. Tal documento visa assegurar por definição: qualidade, moral, competência e atualização dos profissionais nele incluídos.
  5. O Coach deve estabelecer transparência em suas sessões, através dos meios possíveis de informação e de outros instrumentos que assim favoreçam, considerando o cliente como principal responsável por qualquer que seja a escolha dentre as diferentes áreas do Coaching.
  6. Com o Código de Ética, o coach visa assumir a postura ética e responsável, com respeito e confidencialidade, não prometendo resultados que não possa garantir. Recomendando outros recursos ou profissionais quando necessário, mesmo durante o processo de Coaching.
  7. Evitar todo e qualquer conflito de interesse por parte da contratante, não oferecendo informações que sejam confidenciais do processo de Coaching ou do cliente, medida tomada em respeito às posturas éticas.
  8. O ponto de partida do processo de Coaching é estabelecido através da formulação e ciência de ambas as partes envolvidas no processo de Coaching, por meio do Contrato de Sessão de Coaching, seja ele Coaching de Vida, Coaching de Carreira, Leader Coaching, Coaching de Relacionamentos ou Coaching Executivo.
  9. Além da ordem internacional, o Código de Ética deverá levar em atendimento valores que lhe atribuem o sentido esperado. Em princípio, valores como respeito, sigilo, honestidade, ética e dignidade. Em particular, o valor da identidade profissional no campo do desenvolvimento humano.
  10. Levando-se em atendimento os princípios estabelecidos pela SLAC Coaching - Sociedade Latino Americana de Coaching, quando de seu exercício, os profissionais de Coaching permanecerão sujeitos sempre a assumirem as responsabilidades que lhes cabem.



Compartilhe

Coaching

VER MAIS

Contato

Telefone e E-mail

+55 (11) 3670-1770
info@slacoaching.org

A Elite do coaching na palma da sua mão

Baixe nosso aplicativo nas plataformas IOS e ANDROID

Redes Sociais

Acompanhe a SLAC em nossos canais e fique por dentro das novidades.

Te Ligamos