Quando há filhos e o ex-casal percebe que será impossível romper o relacionamento definitivamente, a situação pode se complicar ainda mais e, muitas vezes, são os filhos os maiores prejudicados pelo fim de relacionamentos conflituosos. 
Transforme sonhos em realidade

Mas qual relação pode existir entre divórcio e coaching? O processo de coaching contribui para mudança de paradigmas, estabelecimento de metas e reconstrução de vida, sendo indicado para auxiliar na solução de crises no casamento ou após o divórcio.

Durante os conflitos conjugais, em função das brigas quase intermináveis, há quem prefira viajar, mudar o corte de cabelo, comprar sapatos, etc. Essa fuga da realidade apenas adia o enfrentamento do que está incomodando o casal. A dor causada pela separação é inevitável, mas esse processo pode ser conduzido de forma civilizada e gerando menos sofrimento para os envolvidos. Investir em autoconhecimento e aceitar que não é possível mudar o outro são excelentes caminhos para resolver essas adversidades. 

Outro erro comum relacionado ao divórcio é que as pessoas acham que refletem muito sobre o assunto, mas o que a maioria faz é remoer sentimentos que contribuem somente para a manutenção dos problemas que já existem. O coaching tem como proposta instigar pensamentos racionais, provocar mudanças de comportamento e transformações efetivas na vida dos coachees.

Quem pensa e age sempre da mesma maneira, não alcança resultados diferentes. Embora ninguém possa voltar no tempo e alterar escolhas equivocadas, com a mudança de atitude, qualquer um pode reconstruir a sua história.  

Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor do post identificado abaixo.