Primeiramente, precisamos desenvolver o conceito de que: fracasso é o 1º passo para o sucesso. Muitas pessoas quando não conseguem ter sucesso em seus relacionamentos, na sua carreira profissional, no seu empreendedorismo, no cuidado com a sua saúde e/ou nas suas escolhas vocacionais, sentem uma enorme frustração. O fracasso é visto como um obstáculo, o fim da linha.

Nesses momentos podem até ocorrer vários sintomas psíquicos como depressão, síndromes e fobias, que acabam sustentando ainda mais inúmeros pensamentos negativos a respeito das nossas próprias competências e habilidades.

Precisamos aprender a aprender. Os resultados que obtemos de nossas ações são pedras preciosas que precisamos ir lapidando. Precisamos ser humildes e compreender os resultados positivos dos nossos fracassos. São eles os propulsores da nossa motivação para o sucesso e para nossas transformações pessoais. Não quero com isso dizer que temos que fracassar para ter sucesso, mas é inevitável, enquanto seres humanos, termos dificuldades em certas áreas e/ou em momentos da vida para alcançarmos nossas realizações.

Um dos fatores que nos fortalece é o autoconhecimento, ele é fundamental para podermos fazer uma leitura positiva da nossa vida. Abaixo, uso um exemplo que gosto muito sobre os três princípios do sucesso, citado em um artigo de um coach.

"Abaixo, uso um exemplo que gosto muito sobre os três princípios do sucesso, citado em um artigo de um coach."
Transforme sonhos em realidade

1º - Fracasso não é oposto de sucesso

Aqueles momentos que nos deparamos com o “ NÃO DEU CERTO”, é a hora de entender o sinal “PARE”. Precisamos de um tempo para avaliar nossas experiências, avaliar os fatores externos e a nós mesmos.

Não é o fim da linha, ainda temos muito que escalar para o nosso sucesso. É a hora de aprender a reinventar o conceito de fracasso. Essa é a hora de termos consciência de quem somos e do quanto somos capazes, assim conseguimos chegar ao 2º patamar, o da persistência.

2º - Persistência

Agora que já sabemos o que precisamos melhorar, temos consciência de quem somos, no que já falhamos, não queremos desistir, queremos vencer. Mas muitas vezes por estarmos afoitos pela vitória nos esquecemos de alguns detalhes que nos geram autoconfiança:

- Quais são as minhas metas definidas?

- Quais são os meus objetivos e planos de ações detalhados?

E nesses momentos acabamos nos frustrando novamente ou pela 1ª vez, dependendo do estágio que nos encontramos. Fracasso? Não, esse é só o 1º passo para o sucesso.

Conscientes de que essas medidas nos levarão ao próximo patamar, continuamos a escalada.

3º - Sucesso

Com autoconhecimento, autoconfiança, consciência das prioridades, metas definidas, objetivos traçados, realizando planos de ações, agora conseguimos olhar de cima da montanha, não apenas por um dia, mas por muito tempo.

Escalar esse patamar com um processo correto e com equilíbrio emocional é o que nos trará felicidade. Muitos conquistam sucesso a curto prazo mas não o mantém, outros conquistam o sucesso mas não são felizes.

Sabe o que é fracasso? É ter sucesso sem felicidade.

Fica a dica: faça sua escalada para o sucesso com todo o material que precisa na sua mochila e diga no alto da sua montanha: OLÉ!

Abraços. 


Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade da autora identificada abaixo.