Daí chega dezembro e começam as promessas. Quantas promessas você já fez a si mesmo? Não tem nenhuma pessoa que pense: ano que vem tudo vai ser diferente porque eu... E dá-se a largada para inúmeras delas. 

Porque eu vou fazer isso, vou fazer aquilo, ou vai ou racha.

E seus sonhos começam a brotar mentalmente...

Vida nova, um emprego que me realize, um amor para chamar de meu, a primeira casa, o carro dos sonhos e - é claro que não poderia deixar de incluir - esse ano vou levar a sério minha dieta e emagrecer tantos quilos.

Mas o ano vai passando e os sonhos vão diminuindo, a rotina dominando, a grande vontade vira grande desculpa. Chegamos na metade do ano, junho está aí e eu te pergunto: Quais eram seus sonhos, mesmo?

O que você prometeu a si mesmo que seria diferente neste ano, mas que até agora não cumpriu? O que você fez para alcançar esse objetivo? Porque você procrastina na missão de correr atrás de seu sonho se você nunca vai deixar de sonhá-lo? 

Sabe o que o ano novo traz? 365 oportunidades. Você soube aproveitar as suas quando apareceram? Soube criar suas próprias oportunidades? 

Transforme sonhos em realidade
Enquanto alguns dizem que já estarmos na metade do ano e que agora não adianta mais, eu te digo que ainda estamos na metade do ano e que, se você realmente quiser, pode, sim, realizar suas promessas.

Reflita sobre o que você poderia fazer para cumprir o seu sonho. A vida é uma oportunidade, aproveite-a. A vida é para ser vivida, então saiba vivê-la.



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor identificado abaixo.