Atualmente vivemos em uma época de incertezas, onde pessoas limitam-se até a sonhar. Qualquer lugar da cidade que andamos, falam de crise, desemprego e outras limitações. O cenário atual do país está em sinal de atenção, mas há tempos que isso não é novidade e desde a colonização o Brasil já passava por um período de superação. Em uma breve recapitulação de alguns fatores históricos marcantes, podemos constatar isso.

Período Colonial (A partir de 1530): O Brasil tinha pouco incentivo, os custos eram altos, algumas empresas estavam abandonadas, mercadorias eram contrabandeadas e a economia estava em risco. A solução foi o rei adotar o sistema das Capitanias Hereditárias.

Ciclo da Cana de Açúcar (A partir de 1532): O recurso era pouco, a mão de obra era cara e o único recurso encontrado para reverter o quadro ruim foi solicitar empréstimo para Portugal e Holanda.

Quebra da Bolsa de Valores de Nova York (Em 1929): O café foi afetado, produto que por um bom tempo impulsionou a economia do Brasil positivamente. Em 1929, reduziu a demanda internacional do café brasileiro e impediu a solicitação de empréstimos externos.

Crise na Economia Mundial (Em 2008): Os EUA, maior potência do mundo, passou por problemas financeiros. Com isso, reduziu crédito para países, inclusive para o Brasil,  gerando aumento dos preços e das taxas de juros.

Sempre existiu crise. Dificuldades todos nós estamos sujeitos a passar e vai depender da atitude de cada um, reverter ou manter. Talvez muitos de nós estivéssemos fazendo neste momento o seguinte questionamento: - “Como mudar isso?”. Para reverter este cenário precisamos de menos: medo; “tiro no pé”; egoísmo; falta de planejamento; pessimismo e comodismo. Com isso, teremos Mais: coragem; parceria; planejamento; otimismo e atitude.

Outra forma é o Coaching. Método que atualmente auxilia muitas pessoas a saírem do estado atual para o estado desejo (Estado Atual: Crise – Estado Desejado: Sucesso). Diante de toda superação recapitulada desde 1530, devemos absorver isso como aprendizado para nos desenvolvermos constantemente, buscando sempre a solução e nunca a reclamação.

Portanto, apesar das dificuldades, nunca devemos nos limitar a sonhar, muito menos não agir, possibilitando chegarmos mais próximos de nossos sonhos. E devemos sempre lembrar: Na dificuldade, Menos é Mais!


Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor identificado abaixo.

  0   0

Carlos Henrique Gomes de Sá

Master Coach

MBA em Gestão de Projetos e Equipe de E-learning. Graduado em Administração de Empresas. Contemplo no meu portfólio profissional, especializações direcionadas à Pedagogia Empresarial e Gestão de Projetos. Experiência com Treinamento & Desenvolvimento há mais de 07 anos, em que, lidero projetos voltados à elaboração de conteúdos, desenvolvimento de pessoas e Universidade Corporativa.