Você já ouviu a expressão "Enquanto uns choram, outros fabricam lenços"? Nada mais verdadeiro do que mostrar uma atitude positiva na superação de crises. Em qual lado você está? Dos que choram? Ou dos que fabricam lenços?

Alguns ficam abatidos em suas mesas, analisando relatórios, dados e orçamentos, esperando que a situação mude. Outros não procuram agir sobre os acontecimentos, tomam atitudes, fazem as coisas acontecerem.

Vejamos as três dicas para ajudar a superar uma crise:

1º. Seja engajado e engaje as pessoas.
Se espelhe em alguém de sucesso. Mostre-se a todos ao seu redor que está à frente fazendo a diferença e comunique-se com eles. Contagie as pessoas com atitudes positivas. Acredite em você e faça com que as pessoas de sua equipe sintam que você acredita nelas também, um colaborador que se sente valorizado trabalha por amor e não apenas por dinheiro.

2º. Crie uma visão, uma direção, um significado.
Visualize um quadro futuro e comunique-se com convicção e entusiasmo. Isso inspira as pessoas e as fazem suportar as dificuldades, superando-as. Moisés trabalhou a visão da terra prometida e assim o povo suportou o deserto.

3º. Mexa com a equipe.
A hierarquia é o maior inimigo da crise. Esperar ordens serem dadas não funciona. Atitude sim.
Discuta os problemas com a equipe, procurem a solução juntos. Deixe-os participarem.
Extraia o que há de melhor nas pessoas. É esse "o seu papel em tempos de crise".

EXEMPLO
No exemplo de hoje, vou falar um pouco da minha história. A empresa em que eu trabalhei por mais de 10 anos me demitiu do dia para noite e aparentemente sem nenhuma justificativa, detalhe que há dois anos fui transferido para uma unidade nova, em outro estado, onde fui desafiado a reconstruir um setor e onde a situação para viver e bem mais precária comparando com o estado que eu morava antes. Minha esposa estava grávida de seis meses, tudo novo, para conhecer, para aprender, o que agrava ainda mais a situação psicológica de uma pessoa, ai pensei: e agora o que fazer?

Algumas pessoas que pensei que eram amigos simplesmente sumiram, mas ainda tinha um tesouro que faria toda diferença, a minha família. E para quem olha de maneira positiva os acontecimentos da vida, ganhamos uma grande presente, um coração mais humilde. Tinha dois caminhos para escolher: Sentar e chorar ou fabricar lenços. Foi neste momento que decidi abrir minha empresa de consultoria, treinamento e representação comercial.

Então é isso, espero você no próximo. E lembre-se dos 3Cs - Curta, comente e compartilhe.
NÃO ESPERE, FAÇA ACONTECER.



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade do autor identificado abaixo.

  0   0

Hessler Rossler

Life Coach

Bacharel em Administração com ênfase em Comex, Pós Graduado em Logística empresarial, Graduado em Black Belt, Personal e Professional Coach, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade e atualmente cursando Mestrado em Educação.