O objetivo da gestão de pessoas

A gestão de pessoas é fundamental para toda e qualquer empresa que depende exclusivamente do ser humano para se desenvolver e ter sucesso.

Os proprietários são focados na sobrevivência da corporação, no crescimento, produtividade, redução de custos, participação no mercado e clientes, enquanto os funcionários esperam receber bons salários, melhores benefícios, segurança no trabalho, satisfação, respeito e oportunidade de desenvolvimento de plano de carreira.

Entre seus objetivos, deve-se planejar de forma clara e precisa sobre a atividade da empresa, o que deseja alcançar e como ela quer alcançar.

As pessoas precisam entender que qualquer decisão precisa ter um direcionamento. Além disso, a estrutura organizacional deve estar bem clara para os colaboradores, cada um precisa saber seu papel e suas responsabilidades.

Deve haver, também, definição exata das qualidades necessárias para a execução de cada atividade, facilitando para que cada funcionário saiba o que precisa para executar bem sua função, facilitando, também, a avaliação de erros e acertos no processo.

O gestor ideal

Existem diferentes características de pessoas para a função de gestor – enquanto uns preferem funcionários com mais experiência e conhecimento de mercado, outros optam por líderes mais jovens.

Mas os especialistas recomendam que haja equilíbrio, é papel do líder treinar bem os novos colaboradores, recompensar de forma justa e motivar todos da equipe para atingir as metas da empresa.

Gestão de pessoas e o sucesso das corporações

Por isso, é fundamental se preocupar com os funcionários, pois são eles que irão garantir total crescimento interno e externo da corporação. As empresas devem se preocupar com o desenvolvimento intelectual e psicológico das pessoas, fornecendo capacitação, investindo em educação e desenvolvimento profissional.

O sucesso ou fracasso de uma corporação depende não apenas da liderança, mas também, dos colaboradores, que trabalham para que todos os objetivos sejam estabelecidos, na espera de receber remuneração e benefícios justos, que os incentivem no desempenho de suas funções.