Como praticar o Coaching no seu relacionamento

“Não use essas coisas de profissional comigo”. Ouvi essa frase algumas vezes, não sem justificativa, pois fazer o coaching de um parceiro pode parecer intromissão e proteção.

O coaching eficaz requer que haja um relacionamento no qual o coach possa divorciar-se (há uma piada aí em algum lugar) do resultado e do que está acontecendo com o coachee.

Num relacionamento em que duas pessoas têm um compromisso uma com a outra e cujas vidas se tornaram entrelaçadas, tal separação é frequentemente difícil e algumas vezes virtualmente impossível. Entretanto, quando se reconhece que há alguns obstáculos muito grandes no uso do coaching em, digamos, uma relação marital, ele não é impossível e pode até mesmo ser um sinal de um relacionamento saudável e maduro.

A chave é identificar e conversar sobre os obstáculos antes de qualquer ação de coach.

Esse texto possui informações extraídas do livro Coaching Eficaz de Myles Downey, editora CENGAGE Learning, 3ª edição, 2010.