Aqui pretendemos mostrar como o coaching se encaixa no contexto organizacional e no papel do gerente de linha. É crucial discutir como usar o coaching para benefício da organização e do player. Ao pensar em como o coaching se encaixa na situação de trabalho, é necessário distinguir as necessidades do gerente de linha do coach profissional. Um coach profissional que trabalha em uma organização precisa ter um bom entendimento do papel desempenhado por esses líderes. Indivíduos entram em uma organização para que possam alcançar alguns de seus objetivos. Organizações podem empregar indivíduos para que estes possam completar a missão e atingir os objetivos delas. Em geral, os objetivos são, se não claros, ao mesmo explícitos, e os responsáveis buscarão pessoas que se encaixem bem, normalmente mais cuidadosas em identificar as pessoas corretas.

O gerente de linha faz o coaching dos subordinados

A mais óbvia de todas as aplicações no local de trabalho é o coaching dos subordinados diretos, seja no sentido formal seja no informal. O coaching  numa relação de chefia imediata apresenta algumas dificuldade no sentido de que o gerente de linha tem poder, em face do qual pode ser difícil criar um ambiente de confiança.

Coaching nos processo administrativos

A maioria das organizações tem vários processos administrativos que se prestam ao caoching, em particular aqueles de administração de pessoas, como relatórios de desempenho, elogios, monitoramento do desenvolvimento e progresso e reuniões de estabelecimento de objetivos. Surpreende-me que, atualmente, ainda existam organizações onde o gerente de linha estabelece os objetivos dos seus subordinados.

O coaching faz parte da liderança

A liderança eficaz é tão dependente da personalidade do líder e de seus seguidores, da cultura da organização e da natureza do negócio que não serei ingênuo a ponto de tentar fazer uma afirmação sobre boa liderança. Acredito sim, que quando há um alinhamento entre o que inspira um indivíduo, o trabalho que ele faz e as diretrizes da companhia, então todas as pessoas, em todos os níveis, podem livremente dar o seus melhor, a comunicação é facilitada e seguem resultados extraordinários. Uma abordagem de coaching, que envolve diretamente os membros na direção que o negócio toma e delineia seus trabalhos, pode ser parte que cria tal alinhamento. Myles Downey em Coaching Eficaz, editora Cengage Learning, 2010.