É comum percebermos pessoas determinadas com a conquista de objetivos, e serem muito bem sucedidas quanto ao alcance dos mesmos. Porém, quando alcançam, sentem-se esgotadas, em crise com seus relacionamentos, doentes e até mesmo deprimidas. Parece que “tudo aquilo” não fez o menor sentido.
Transforme sonhos em realidade

Quando isso acontece, é um sinal de que o objetivo não foi bem planejado e apenas os ganhos foram considerados. Questões essenciais como “faço isso por que quero ou por que esperam isso de mim?”, “quem mais além de mim será impactado no percurso e quando esse objetivo for alcançado?” , “por qual motivo esse objetivo é importante para mim?”, “quais são minhas opções”, ou ainda - “o que estou disposto a perder com este objetivo?”

Que atire a primeira pedra quem nunca errou o percurso por não considerar todas as opções ou as ameaças que poderiam estar escondidas no caminho. Nem sempre dá para prever tudo e nem tudo está sob nosso controle, mas vale a pena parar e olhar de frente para seu objetivo considerando as Perdas X Ganhos e Ameaças X Oportunidades. Para que um objetivo alcançado não se torne um pesadelo, é necessário focar nos demais fatores que estão envolvidos diretamente ou indiretamente com a questão. Por sorte, sempre é tempo para todos mudar a estratégia, rever seus processos e fazer diferente.

Por isso o trabalho de um Coach de respeito é importante. O profissional te apoiará para que você esteja concentrado na meta, sem perder de vista as coisas mais importantes em sua vida. Perguntas poderosas farão você refletir sobre todo o processo. Não basta ter um objetivo. Ele tem que ir ao encontro da sua visão de vida, seus valores, sua missão. Ter e Ser são importantes. Pessoas são importantes. Você é importante e precisa também se recompensar por seus ganhos – e mais importante: ser muito (mas muito) honesto com você na hora de definir seus planos.



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade da autora identificada abaixo.