Abrindo mão

O quanto eu realmente estou disposto a abrir mão e sair da zona de conforto para alcançar a meta que desejo?

O trabalho do coach está baseado em apoiar as mudanças dos coachees (clientes) na direção do alcance de suas metas. Isso sempre irá girar em torno de deixar um ponto para alcançar outro e, nesse sentido, a ação de abrir mão de situações em detrimento de outras, faz parte efetiva do processo. No entanto, como é complicado para o ser humano aprender a abrir mão e sair da zona de conforto, mesmo entendendo que isso faz parte de um processo que o levará na direção do que ele mesmo deseja alcançar.

Nesse cenário é preciso entender em primeiro lugar o quanto queremos aquela mudança, se a meta em questão é realmente aquela que “achamos” que queremos, ou seja, é necessário validá-la. Vou citar aqui o exemplo de uma meta de promoção na carreira. Para assumir essa nova função com todas as suas responsabilidades atreladas, bem como com todas as circunstâncias envolvidas, é importante entender que junto com o pacote vem uma série de mudanças associadas, como: adequação de novas competências, maior dedicação de tempo, foco em novos resultados, modelos diferentes de processos de trabalho, novas equipes, nova postura a ser adotada, etc... Sendo necessário então, abrir mão de velhos modelos, comportamentos, talvez até mesmo instalações, equipes e relações para adequar-se à nova realidade. E aí surge a pergunta, estou preparado para abrir mão? Era isso o que eu realmente queria? O que eu ganho e perco recebendo essa promoção? A resposta é: é você quem sabe o quanto realmente está disposto mudar e abrir mão em direção à sua meta, contudo o fato aqui é que sempre terá que abrir mão de algo.

Abrir mão não significa perder, mas ganhar em outros variados aspectos. Existe um fator limitante, na verdade sabotador, em relação às mudanças que está baseado na manutenção do status quo, aqui é necessário ter bastante atenção para não ser paralisado por ele. Aproveitando o exemplo da promoção citado anteriormente, quanto à proposta de mudança, apesar de muitas vezes essa promoção ser o foco/meta de alguém, o fato traz consigo o receio do novo, muitas vezes a tendência é manter-se onde está, ou seja, na tão conhecida zona de conforto. A lógica pensada aqui é: “-Se eu não aceito a promoção, mantenho tudo como está e não preciso abrir mão do meu padrão/modelo de trabalho atual, que já vem dando certo...”. Aqui entra aquela máxima: “- Em time que está ganhando não se mexe.”. Eu então pergunto: - Será?! Caríssimo leitor, o quanto não sair de onde está te aproxima da sua meta em questão?

Em life coaching existem também muitos exemplos desse “apego” que impede o coachee de caminhar, não são poucos os casos daqueles que querem adquirir novos hábitos de vida mais saudáveis, contudo não querem abrir mão dos antigos hábitos que impedem de seguir nessa nova caminhada. O papel do coach nunca será o de julgar ou aconselhar algo, mas simplesmente levar o coachee a alcançar sua meta através da reflexão de suas escolhas. O que o cliente está disposto a fazer diferente de tudo o que já fez até então?

Albert Einstein disse: “Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes.”. Novos resultados só serão alcançados se ocorrerem mudanças, não é possível alcançar algo sem fazer diferente, sem deixar para trás modelos antigos e sem assumir novos padrões. Sendo assim, o ponto central está baseado nas perguntas: - O quanto você está disposto a mudar? O quanto está disposto a abrir mão de situações, circunstancias e padrões de comportamento para que a mudança ocorra? Quantas mudanças sua meta vai demandar em sua vida? Você realmente quer isso? Quais são as evidências? Colocar-se em xeque nesse momento é fundamental para entender que é necessário abrir mão para ganhar algo muito maior, para evoluir e, que a mudança aqui, é o caminho que o levará a alcançar suas metas e objetivos de vida. Então, porque não abrir mão?

Para alcançar meus objetivos profissionais dentro da carreira que escolhi, precisei abrir mão do modelo de vida anterior, das horas vagas, de muitos finais de semana, mas eu abri mão consciente que estava realizando um sonho de vida. Quantas noites em que eu praticamente passei em claro para construir um projeto novo ou para estudar a fundo um assunto, isso faz parte, eu abri mão do sono por algo que mudaria minha realidade naquele momento. Era uma fase, mas se eu não abrisse mão e saísse do lugar, nada aconteceria. Hoje eu sei que estou no caminho certo e que ainda há muito a percorrer nessa carreira, mas estou pronta para abrir mão sempre que for necessário por algo maior e melhor que está por vir.

Querido leitor, o quanto está disposto a abrir mão pelo que você deseja realizar? Seja seu projeto de ordem profissional ou pessoal, um novo cargo, ou uma nova conquista amorosa, um novo projeto de vida, fato é que abrir mão de algo faz e fará parte do projeto para atingir suas metas de vida. Nesse caso, se precisar de apoio para passar por esse processo de forma consciente e racional, contrate um coach, ele é o especialista para conduzi-lo ao alcance de sua meta.

Desejo que muitas mudanças positivas ocorram em sua vida e que você alcance suas metas consciente de que abrir mão, saindo da zona de conforto, é um dos caminhos que o fará chegar onde deseja.



Informamos que esse texto é de inteira responsabilidade da autora identificada abaixo.

Flavia Saab

Flavia Saab

Master Coach

Master Coach com formação na área de Gestão de RH, MBA em Gestão Empresarial e Coaching pela FESPSP - Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo - Partner da empresa Bússola do Empreendedor - Atua nas áreas de Coaching Executivo, carreira, liderança, equipes, negócios e life. flaviasaab@flaviasaab.com.br / flavia.saab@bussoladoempreendedor.com.br (21)99954-7777

+1
share

Comente

Programa Foco e Gestão com Sulivan França

Artigos dos Membros SLAC Coaching   /   veja mais

Contato / Te ligamos

De segunda a sexta
9:00 - 18:00

+55 (11) 3670-1770

info@slacoaching.org

Av. Francisco Matarazzo
1400 - SP

Sociedade Latino Americana de Coaching

+55 (11) 3670-1770
info@slacoaching.org

São Paulo - Brasil
Centro de Treinamento
Av. Francisco Matarazzo, 1.350
Água Branca - Cep: 05001-100
São Paulo - Brasil
Sede Administrativa
Av. Francisco Matarazzo, 1.400
Água Branca - Cep: 05001-100
CNPJ: 15.229.739/0001-47
Santiago - Chile
Oficina
Suecia 42, Oficina 02
Teléfono: +56 2 2632 5042
Lima - Peru
Oficina
Plaza Ricardo Palma 107 - San Borja
Teléfono: +51 980 037 494
Cartagena - Colômbia
Oficina
Cr 3 6A Esq. Ed. Jasban 407 - B/Grande
Teléfono: +57 5 655 03 01

Conteúdo Registrado ®
Todos os Direitos Reservados
Cópia Proibida.